Notícias

Tecnologia adia cirurgia

19/04/2007

Quem sofre de hérnia de disco, artrose e tendinite vai respirar aliviado ao saber que não precisa, necessariamente, se submeter a uma cirurgia. Algumas clínicas de ortopedia de ponta já oferecem tratamentos não-invasivos bastante eficientes, como a PST (Pulsed Signal Therapy). A terapia é baseada em sinais eletromagnéticos pulsados e vem sendo usada tanto na prevenção, como no tratamento de diversas doenças articulares.

“Ao aliviar esse tipo de sofrimento debilitante, o organismo reagirá positivamente com uma melhor função, mobilidade e musculatura. Ao voltar a ter uma articulação ou tendão saudável, o paciente poderá adiar ou ainda evitar a cirurgia ortopédica”, diz Lafayette Lage, médico ortopedista especialista em Medicina Esportiva e Quadril.

Lage explica que fatores como idade, excesso de peso, doenças e lesões articulares provocadas pela prática de esportes acabam alterando o campo elétrico existente em todas as articulações, comprometendo os processos de regeneração das cartilagens, ossos, músculos, tendões e ligamentos.

“O que a PST faz é reproduzir um campo elétrico equivalente ao do organismo, enviando pulsos eletromagnéticos à articulação afetada e estimulando o metabolismo e a atividade das células das cartilagens. A perda da cartilagem é interrompida e o processo biológico de reparo dos tecidos é reativado, diminuindo a dor e aumentando a mobilidade. O local afetado volta a funcionar sem dor, adiando ou até mesmo evitando a intervenção cirúrgica”, diz o especialista.

Fonte: Dr. Lafayette Lage, médico ortopedista especialista em Medicina Esportiva e Quadril, diretor da Clínica Lage Ortopedia de Ponta (www.clinicalage.com.br)

Rua Lord Cockrane, 255 conj.2 ‐ Ipiranga ‐ 04213-000 ‐ São Paulo ‐ SP

Rua Afonso Celso, G1B ‐ Porta do Sol ‐ 18120-000 ‐ Mairinque ‐ SP

(55-11) 98547-0170

heloisa.paiva@presspagina.com.br